F1

Lauda critica vaias a Vettel em Cingapura e exalta alemão: “Poderia ter dado uma volta em todo mundo”

Em entrevista à emissora Sky Sports, ex-piloto, dono de três títulos mundiais, se mostrou impressionado com atuação do alemão: “Eu tiro meu chapéu. Daria a ele o título mundial por essa pilotagem”, disse. Já Helmut Marko minimizou: “Alonso e Webber têm mais fãs”

Warm Up / Redação GP, de Guarulhos
 
As vaias de parte dos torcedores presentes em Marina Bay para Sebastian Vettel após sua vitória no GP de Cingapura, 13ª etapa da temporada 2013 da F1, continuam dando o que falar. O alemão, que chegou à sua sétima vitória na temporada na cidade-estado asiática, teve seu domínio mal recebido por boa parte do público nas arquibancadas.
 
Lewis Hamilton, piloto da Mercedes, e Christian Horner, chefe da Red Bull, condenaram a atitude, exaltando o mérito e a pilotagem do jovem tricampeão. Nesta terça-feira (24), foi a vez de outro dono de três títulos, Niki Lauda, reprovar o gesto de alguns fãs da categoria.
Vettel deu show em Cingapura (Foto: Mark Thompson/Getty Images)
"É ridículo, essas pessoas não entendem o que o cara está fazendo", disse o austríaco à emissora Sky Sports. "Eu tiro meu chapéu para sua performance, porque o cara liderava a corrida desde a primeira volta, poderia ter dado uma volta em todo mundo e, se pudesse escolher, eu daria a ele o título mundial por essa pilotagem", exaltou.
 
"Para mim, ele foi excelente. Vettel não fez nada errado. O mesmo aconteceu na Itália, porque eles amam a Ferrari. Mas se a Ferrari fosse melhor que eles, não teriam por que vaiar o outro cara, é muito simples", explicou Lauda, em defesa ao alemão.
 
Já Helmut Marko, consultor da Red Bull, procurou minimizar a questão e colocou panos quentes na situação, mas não sem antes criticar o gesto. "As vaias são incrivelmente chatas", disse o ex-piloto ao jornal alemão 'Bild'. "Mas isso é explicável. Em Cingapura, [Fernando] Alonso e [Mark] Webber possuem mais fãs que Vettel", comentou.