Rali

Dois jornalistas de revista argentina morrem após acidente em Tucumán durante cobertura do Rali Dakar

Agustín Mina e Daniel Ambrosio, da revista Super Rally, morreram na última quinta-feira (9) após um acidente na província de Tucumán, na Argentina, enquanto cobriam o Rali Dakar

Warm Up / Redação GP, de São Paulo

As imagens do quinto dia do Rali Dakar


A edição 2014 do Rali Dakar registrou seu primeiro acidente fatal, mas não foi entre os competidores. Na última quinta-feira (9), dois jornalistas argentinos morreram em um acidente rodoviário na província de Tucumán, na Argentina, enquanto cobriam a disputa.

Em entrevista à agência de notícias 'AFP', Francisco Delgado, responsável pela revista 'Super Rally', confirmou a morte de um estagiário de 20 anos e de um jornalista de 51. No mesmo veículo também estavam os fotógrafos Martín Delgado, de 31 anos, e Rodrigo Quesada, de 36, único não argentino do grupo. 
Rali Dakar teve uma de suas mais difíceis etapas nesta quinta (Foto: Victor Eleutério/Mitsubishi)

“Os mortos são Agustín Mina, estudante de jornalismo, e Daniel Ambrosio, um apaixonado por corrida de automóveis", disse Delgado. “Ainda não sabemos o que ocorreu. Caíram 100 metros e os que estavam no banco da frente morreram imediatamente. Os outros se salvaram.”
 
A equipe da Super Rally cobria o Dakar de forma extraoficial, ou seja, não estava credenciada pela organização do rali. Os sobreviventes do acidente foram levados a um hospital na província de Tucumán.


Viaje com a AMK VIAGENS para Mônaco e acompanhe de perto a mais importante das etapas do calendário da F1. Veja os pacotes e aproveite a promoção ATÉ 20 DE JANEIRO.
Clique e saiba mais detalhes.
Foto: Viaje com a AMK VIAGENS para Mônaco e acompanhe de perto a mais importante das etapas do calendário da F1! Confira os pacotes e preços e aproveite a promoção ATÉ O DIA 20 DE JANEIRO!http://amkviagens.com.br/2011/index.php/terrestres_internacionais/ver/104