Porsche

Iorio segura ataques de Enzo Elias e conquista vitória na corrida 2 da classe 3.8 da Porsche Cup no Velo Città

Matheus Iorio teve grande desempenho na corrida 2 da classe 3.8 da Porsche Cup no Velo Cittá. Neste sábado (1), o piloto pulou para a ponta ainda no início, freou os constantes ataques de Enzo Elias para cruzar a linha de chegada na primeira colocação

Warm Up, de Mogi Guaçu / NATHALIA DE VIVO, do Velo Città
Matheus Iorio fechou a terceira etapa da Porsche Cup no Velo Città da melhor maneira. Neste sábado (1), o piloto assumiu a ponta ainda no início da corrida, segurou os ataques de Enzo Elias e cruzou a linha de chegada em primeiro.
 
O início da segunda prova da classe 3.8 foi marcado por uma grande confusão. Um incidente envolvendo diversos carros chegou a obrigar o retorno do carro de segurança para a pista. Mas a relargada demorou pouco para acontecer.
 
Quem se aproveitou de tudo foi o #34, que apareceu na primeira colocação assim que as coisas recomeçaram e dali não saiu mais. O piloto ainda conseguiu segurar os ataques do #73, conseguindo um grande triunfo. Felipe Baptista foi quem terminou em terceiro, com Marcelo Tomasoni fechando o top-4.
Matheus Iorio (Foto: Luca Bassani)
Saiba como foi a corrida 2 da classe 3.8 no Velo Città:
 
Na última corrida do final de semana, o céu já estava mais encoberto no Velo Città. Entretanto, o sol ainda estava presente e a temperatura seguia bastante alta, batendo os 27ºC no termômetro.
 
Quem largou da posição de honra foi Ramon Alcaraz, com Nelsinho Marc completando a primeira fila. Coma inversão de grid em relação a primeira corrida, Felipe Baptista começou em oitavo, com Enzo Elias em sétimo e Matheus Iorio em sexto.
 
Com a largada autorizada em Mogi Guaçu, uma grande confusão foi vista ainda nos primeiros metros de prova. Na primeira curva do circuito, Gaidzinski e Marco Milli acabaram se tocando e levaram junto Chico Horta, Paulo Totaro e Ayman Darwich. Nesse momento, o safety-car precisou voltar para a pista.
 
Enquanto isso, na ponta do pelotão, era Ramon Alcaraz quem estava na primeira colocação, com Matheus Iorio na segunda colocação. Enzo Elias, Marcelo Tomasoni e Nelson Monteiro fechavam o top-5 do momento.
 
Então, com pouco mais de 20 minutos para o encerramento do cronômetro, a corrida foi reiniciada. Em grande movimento, Iorio assumiu a ponta do pelotão, enquanto Enzo seguiu para aparecer na segunda colocação.
 
Mais para trás, as coisas estavam bastante movimentadas na classe GT3 Cup 3.8. Enquanto José Vitte e Nelsinho Marc acabaram se envolvendo em um incidente, Monteiro acabou escapando da pista, perdendo muitas posições.
 
Com 15 minutos para o final, o #34 sustentava uma liderança de 1s para o segundo colocado Elias. Felipe Baptista surgia em terceiro, seguido por Tomasoni, que completava a lista dos pilotos da Carrera Cup 3.8.
 
 Oito voltas completadas na disputa e Enzo começava a se aproximar de forma perigosa em cima de Matheus. O #73 já havia diminuído a diferença para apenas 0s549, mas o #34 estava segurando de forma bastante efetiva o adversário.
 
A briga pela primeira colocação pegou fogo nas duas últimas voltas. Enzo Elias tentava de toda maneira alcançar Matheus Iorio, mas sem sucesso. Ainda, Felipe Baptista quase alcançou o #73, mas que conseguiu fechar a porta. Assim, a prova acabou nessa ordem.