MotoGP

Morbidelli se une a Van der Mark e Syahrin para disputar 8 Horas da Malásia

A SIC confirmou nesta segunda-feira (9) que Franco Morbidelli será um dos representantes do time nas 8 Horas da Malásia. O italiano vai formar trio com Michael van der Mark e Hafizh Syahrin

Grande Prêmio / Redação GP, de São Paulo
Franco Morbidelli vai fazer sua estreia no Mundial de Endurance da FIM (Federação Internacional de Motociclismo) entre os dias 13 e 15 de dezembro. O italiano foi confirmado pela SIC nesta segunda-feira (9) no time que vai disputar as 8 Horas da Malásia.
 
Neste novo desafio, Franco terá a companhia de Michael van der Mark, dono de quatro vitórias na tradicional 8 Horas de Suzuka, e do local Hafizh Syahrin. A equipe malaia vai contar com o apoio da YART e usar uma YZR-R1.
Franco Morbidelli (Foto: SIC)
Paddockast #32
AS PISTAS MAIS PERIGOSAS DO MUNDO


Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

Além da prova do EWC, o fim de semana vai contar, também, com uma prova do Mundial de Turismo. A iniciativa, chamada ‘Races of Malaysia’ (Corridas da Malásia, no português), faz parte e uma iniciativa para promover o turismo no país.
 
“Nós estamos muito empolgados por ter uma equipe da SIC nas 8 Horas de Sepang”, disse Razlan Razalim chefe do time. “Não existe maneira melhor de apoiar a campanha de turismo na Malásia ‘Visite a Malásia’ do que este evento e nosso line-up internacional de pilotos”, seguiu.
 
“O fim de semana vai ser excepcional, já que o Mundial de Endurance vai correr junto com o WTCR ― com os mundos do esporte a motor em duas e quatro rodas compartilhando a pista no mesmo fim de semana”, comentou. “Essas corridas da Malásia vão fornecer um espetáculo incrível e um apelo verdadeiramente internacional. Temos fé de que Franco, Michael, Hafizh e a YART vão entregar e nossa meta é o topo do pódio”, completou.
 
O #21, por sua vez, celebrou a chance de disputar uma prova de endurance e se disse ansioso para a experiência.
 
“Estou curioso para ver como o formato da corrida de endurance se encaixa comigo e estou realmente ansioso”, começou Franco. “É uma coisa diferente, boa, e quando Razlan me pediu para fazer, eu pensei: ‘Claro, por que não?’”, relatou.
 
“A combinação de Yamaha e SIC indica que deve ser um bom pacote, e vai ser bom correr com a moto de produção mais uma vez. Pilotar motos é sempre bom para manter a forma, então é bom poder correr em dezembro”, comentou. “Eu treinei com a YZF-R1 antes, então tenho uma ideia do que esperar, mas tenho certeza que a superbike do endurance vai ser muito diferente. Também posso aproveitar a viagem para tirar férias na Malásia”, concluiu.
 
Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.