F1

Homem que invadiu pista durante GP de Cingapura é preso. FIA aguarda relato para tomar ação

Após a invasão durante o GP de Cingapura deste domingo (20), homem de 27 anos que entrou no traçado para tirar uma foto é levado preso e deve contribuir com a polícia nas investigações, segundo comunicado oficial da FIA

Warm Up / Redação GP, de São Paulo
O GP de Cingapura deste domingo (20) teve um lance bastante incomum e que animou um pouco a prova. Porém, não foi em nenhuma grande ultrapassagem ou acidente, mas sim a invasão de um homem para tirar uma foto dentro do traçado. Só que a ação lhe custou caro, e ele acabou sendo preso.
 
Durante a corrida nas ruas de Marina Bay, o fã acabou entrando na pista em uma curva. A ação do homem acabou provocando a entrada do safety-car, o que paralisou a prova por quase dez minutos.
Comunicado oficial liberado pela FIA (Foto: Reprodução/Twitter)
Após a etapa, a FIA lançou um comunicado oficial afirmando que o invasor, que tem 27 anos, acabou sendo levado preso e deve “ajudar a policia com as investigações”. Ainda estava escrito que estão esperando as conclusões oficiais para “determinar as circunstâncias sobre o incidente”.
 
Quem se pronuncio sobre o caso foi o grande vencedor do dia, Sebastian Vettel. Para o alemão, o que o homem fez foi uma loucura, mas ele afirmou torcer para que pelo menos a foto tirada tenha ficado boa. “Acho que vi ele tirando uma foto. Espero que ao menos tenha ficado boa, que ela tenha foco”.
 
“Isso foi bastante loucura, nós entramos naquela curva a 280 km/h. Eu não cruzaria a pista se fosse ele. Eu não sei, talvez precisemos bloquear os acessos um pouco melhor. Felizmente nada aconteceu comigo ou com ele. Obviamente isso não é algo que se espera”, continuou.