carregando
F1

Cidade do México amanhece com tempo fechado e chuvas esparsas nesta sexta-feira de treinos livres da F1

A sexta-feira é um dia de grande festa no México, pois o país recebe novamente a F1 após uma longa espera de 23 anos. E os fãs já prometem lotar as arquibancadas do Autódromo Hermanos Rodríguez neste primeiro dia de atividades, quando estão programados os dois primeiros treinos livres do fim de semana

Warm Up / FERNANDO SILVA, de Sumaré
Enfim, depois de mais de duas décadas, a F1 está finalmente de volta ao México. E volta em grande estilo, com o Autódromo Hermanos Rodríguez totalmente remodelado — ainda que sem a lendária curva Peraltada — para receber o Mundial neste fim de semana. A 17ª etapa da temporada 2015 inicia sua programação neste fim de semana. Nesta sexta-feira (30), o GP do México realiza seus dois primeiros treinos livres. E a previsão do tempo indica uma relativa possibilidade de chuva, sobretudo pela manhã, quando será realizado a primeira sessão no circuito.
 
A sexta-feira na Cidade do México, a segunda maior cidade da América Latina — atrás somente de São Paulo — amanheceu com chuvas esparsas e o tempo bastante fechado. Neste momento, quando faltam pouco mais de uma hora para o começo das atividades de pista no México, os termômetros marcam 14ºC de temperatura ambiente e sensação térmica de 13ºC, segundo informa o site ‘Weather Channel’. Ao longo da tarde, pode chegar aos 22ºC na região do Hermanos Rodríguez. 
A sexta-feira amanheceu com a pista molhada no Autódromo Hermanos Rodríguez (Foto: Mercedes/Twitter)
Ainda sobre o clima, a umidade relativa do ar deve variar entre 64% no horário do primeiro treino livre para 42% na sessão da tarde. Uma curiosidade fica por conta dos fortes ventos na região do circuito, que devem chegar a 25 km/h em direção Sul durante o segundo treino no México.
 
Fica também a curiosidade sobre uma situação jamais enfrentada pela atual geração da F1. Isso porque o GP do México é, de longe, o mais alto de todo o calendário, sendo disputado a mais de 2.200 metros do nível do mar. A expectativa será para como vão reagir os carros e, sobretudo, os pilotos diante do ar rarefeito da capital mexicana.
 
O GRANDE PRÊMIO acompanha AO VIVO e em TEMPO REAL todas as atividades de pista durante o GP do México. A primeira sessão desta sexta-feira está marcada para 14h (horário brasileiro de verão), enquanto a segunda está prevista para 18h.