F1

Chefe elogia dupla da McLaren e afirma que Alonso “só retorna com um terceiro carro”

Feliz com a dupla formada por Carlos Sainz e Lando Norris, Zak Brincou com a chance do retorno de Fernando Alonso ao grid da Fórmula 1. Para ele, a possibilidade só existe com a entrada de um terceiro carro

Grande Prêmio / Redação GP, de Campinas
Vencedor das 24h de Le Mans pelo segundo ano consecutivo, Fernando Alonso está fora do grid da Fórmula 1 pela primeira vez desde 2002. E se depender de Zak Brown, chefe de equipe da McLaren, o bicampeão mundial seguirá fora até o regulamento permitir um terceiro carro.
 
Brown elogiou o desempenho de Carlos Sainz e Lando Norris, os dois pilotos do time de Woking para a temporada 2019, que já colocaram a equipe na quarta colocação no Mundial de Construtores. Perguntado como reagiria ao telefonema de Alonso pedindo uma vaga, o chefe afirmou que está contente com a dupla atual, e precisaria da permissão de Chase Carey, diretor da categoria.
 
"Teria que perguntar ao Chase Carey se podemos colocar três carros. Temos pilotos com contratos longos e estamos contentes com eles. Felizmente, o Fernando não ligou ainda”, disse em entrevista à revista alemã ‘Auto Motor Und Sport’.
Carlos Sainz (Foto: McLaren)
Paddockast #22
O que torna uma corrida de qualquer categoria legal? E chata?



Brown comentou que Norris, de 19 anos, não cometeu nenhum erro de principiante nas sete primeiras corridas, enquanto Sainz, em sua quinta temporada na Fórmula 1, finalmente ‘desabrochou’ e está correndo em grande nível, ocupando a sétima posição no Mundial de Pilotos.
 
"Em 50% das corridas, eles chegaram ao Q3. O feedback deles sobre o carro é muito bom, eles se dão bem. Não preciso me preocupar quando disputam na pista, como em Baku. Nunca tive medo dos dois baterem como Grosjean e Magnussen em Barcelona, tenho o sentimento que os dois pilotam pelo time. Lando não fez erros de iniciantes ainda e o Carlos está desabrochando. Até aqui, ele só pilotou em contratos de um ano. Conosco, ele pode planejar o futuro e ficar relaxado. Era muito mais pressão na Red Bull, acho que nosso objetivo é conseguir extrair mais dos pilotos”, completou.

A Fórmula 1 retorna no próximo final de semana, com o GP da França. A McLaren ocupa a quarta posição no campeonato de construtores, com 30 pontos.
 
Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.