carregando
F1

Bottas espera que pódio no Canadá represente ganho de confiança para Williams “no mínimo” repetir resultado

Valtteri Bottas terminou no pódio o GP do Canadá na primeira vez que um piloto que não é da Mercedes ou da Williams levou para casa um troféu em 2015

Warm Up / RENAN DO COUTO, de São Paulo

Assim como na temporada 2014, foi Valtteri Bottas, com uma terceira colocação, quem deu à Williams no pódio pela primeira vez no Mundial de F1.

O finlandês largou em terceiro neste domingo (7) em Montreal, no Canadá, e fez uma corrida discreta: pouco apareceu, mas estava lá para abocanhar seu troféu no momento em que Kimi Räikkönen errou e rodou sozinho na curva do grampo. Dali em diante, manteve um bom ritmo para cruzar a linha de chegada 4s959 à frente do compatriota. Lewis Hamilton venceu.

O pódio de Bottas também é o primeiro de um piloto que não defende as equipes Mercedes e Ferrari em 2015.
 
VIU ESSA? CARRO DESCE LADEIRA SOZINHO NA F4 ALEMÃ E ACERTA OUTRO
Bottas destacou como este resultado deve ter um grande impacto para a confiança da Williams e como o pacote de atualizações que estreará no GP da Áustria deve contribuir para um salto de performance.

"Estou realmente feliz por nós como equipe hoje. Um membro orgulhoso do time. O erro do Kimi nos permitiu ganhar uma posição e também mudamos a estratégia na corrida, o que eu achei que foi bem dinâmico. Foi um bom trabalho da equipe e não foi uma corrida ruim minha também", disse na entrevista do pódio.
 
"Eu acho que realmente precisávamos deste resultado. Vimos no ano passado como isso realmente dá um ganho de confiança e sabemos de novo que somos uma equipe de ponta e podemos brigar por pódios. A partir da Áustria, com o pacote que temos sendo preparado, eu acho que de lá em diante vamos poder esperar que possamos no mínimo repetir esse tipo de resultado", completou.

Companheiro de Bottas, Felipe Massa fez grande corrida de recuperação para chegar em sexto após largar em 15º. Desta forma, a Williams somou 23 pontos nesta corrida, mais do que em qualquer outra prova deste ano.
 
Próxima etapa do Mundial de F1, o GP da Áustria acontece daqui a duas semanas, em 21 de junho, no Red Bull Ring. Em 2014, Felipe Massa fez a pole e Nico Rosberg venceu.