F1

Após crise em Mônaco, Hamilton diz que relacionamento com Rosberg “nunca esteve melhor”

Depois de conflito em Monte Carlo, Lewis Hamilton colocou panos quentes na briga com Nico Rosberg e afirmou que o relacionamento entre os dois nunca esteve melhor

Warm Up / Redação GP, de São Paulo
A cobertura completa do GP do Canadá no GRANDE PRÊMIO
icone_TV Automobilismo na TV: a programação do fim de semana
As imagens desta quinta-feira de F1 no Canadá

A paz voltou a reinar na Mercedes. Ao menos é isso que diz Lewis Hamilton. Em uma coletiva de imprensa realizada nesta quinta-feira (5), o britânico afirmou que o relacionamento entre ele e Nico Rosberg “nunca esteve melhor”.
 
Questionado se havia sido necessário desanuviar o ambiente no time e se os dois pilotos foram tratados de forma diferente após o conflito em Mônaco, Hamilton respondeu: “Não teve diferença”. 
Lewis Hamilton garantiu que relação com Rosberg está de vento em popa (Foto: Getty Images)
“Nós conversamos coletivamente no time e aí também fizemos isso individualmente, e no time nada mudou”, explicou. “O time fez um grande trabalho para nos apoiar, da maneira como tudo foi gerido por Paddy [Lowe] e Toto [Wolff], o apoio para nós dois foi ótimo”, continuou. 
 
“Nós agora estamos a todo vapor, jantamos com a equipe ontem e as coisas nunca estiveram melhores”, contou. “Nós estamos indo de vento em popa”, frisou. 
 
O campeão de 2008 lembrou que ele e Rosberg se conhecem desde crianças e que o que aconteceu em Mônaco não foi muito diferente do que eles vivenciaram ao longo desses anos todos.
 
“As pessoas têm altos e baixos. Não é diferente de nenhuma outra experiência que eu e Nico tivemos em todos estes anos que nós corremos juntos”, minimizou. “Nós seguimos em frente, estamos tentando avançar, tem um caminho muito, muito longo pela frente na temporada e eu estou ansioso por essa batalha”, declarou.
 
Além disso, Hamilton explicou que seu post no Twitter dias atrás já representava o fim da tensão com Nico. 
 
“Eu mandei mensagem, nós conversamos depois da corrida. Assim como os amigos, nós temos nossos altos e baixos, nós nos conhecemos faz muito, muito tempo. Está tudo resolvido”, garantiu. “Nós estamos ansiosos para trabalhar juntos para ajudar o time a vencer o Mundial de Construtores”, concluiu.