Endurance

Di Grassi fratura tornozelo jogando futebol, decide fazer cirurgia e fica de fora das 24 Horas de Le Mans

Uma partida de futebol entre amigos custou caro para Lucas Di Grassi. O brasileiro, que conseguiu correr mesmo com dores no final de semana da F-E, está fora das 24 Horas de Le Mans com o tornozelo fraturado

Warm Up / Redação GP, de São Paulo

Lucas Di Grassi está fora das 24 Horas de Le Mans de 2017. O brasileiro, que correria pela primeira vez de GT na principal prova de endurance do mundo, fraturou o tornozelo jogando futebol com amigos na semana passada e, nesta quarta-feira (14), confirmou que vai operar com urgência e não vai participar da corrida.

Apesar de ter conseguido guiar na rodada dupla da F-E em Berlim e até ter conseguido dois pódios, Lucas não foi considerado apto para participar da corrida.
Di Grassi está fora das 24 Horas de Le Mans (Foto: F-E)

Di Grassi estava escalado para guiar o carro #51 da Ferrari, ao lado de James Calado e Alessandro Pier Guidi, dupla que constantemente briga por vitórias na classe. Agora, Michele Rugolo vai substituir o paulista na prova deste final de semana.

“Tenho dores, mas o foco me ajuda dentro do cockkpit. E na F-E não fica tão ruim porque é muito comum tirar o pé. Temos que ver como vai ser com a Ferrari em Le Mans, mas aqui não foi problema”, disse Di Grassi ao site norte-americano 'Motorsport.com', ainda no fim de semana da F-E em Berlim.

Em suas redes sociais, o piloto explicou que a decisão de não participar da corrida veio em uma reunião com médicos e que, após a análise do raio x de seu tornozelo, a escolha foi pela cirurgia com urgência.

PADDOCK GP # TEM PRESENÇA DE ALEX BARROS