Stock Car
07/02/2018 14:11

Nos passos do rival Nelsinho, Di Grassi assina com Hero e corre na Stock Car em 2018. Bruno Baptista fecha dupla

A Stock Car vai ser definitivamente estrelada em 2018. A principal categoria do automobilismo brasileiro passa a ter outro piloto de ‘classe mundial’. Lucas Di Grassi, atual campeão da Fórmula E, é o novo contratado da Hero, que em 2018 vai ser a principal patrocinadora da RCM, o segundo time de Rosinei Campos. Outro reforço do time é a chegada de Nonô Figueiredo como diretor-técnico da Hero, trabalhando diretamente ao lado de ‘Meinha’ e do jovem Bruno Baptista
Warm Up
Redação GP, de Sumaré

A temporada 2018 da Stock Car definitivamente vai contar com um grid repleto de estrelas. Lucas Di Grassi, eleito pelos leitores do GRANDE PRÊMIO como o melhor piloto brasileiro no último ano, vai correr em tempo integral na principal categoria do automobilismo nacional. Atual campeão da Fórmula E, além de CEO da Roborace, certame destinado a carros autônomos, o paulista de 33 anos assinou contrato com a Hero, que em 2018 vai ser a principal patrocinadora da RCM, equipe de Rosinei Campos, o ‘Meinha’, o GRANDE PRÊMIO pode confirmar.
 
Na Hero, Di Grassi vai trabalhar com o lendário preparador e também ao lado de Nonô Figueiredo. Dono de uma experiência de 20 temporadas na Stock Car, além de chefe da sua própria equipe no Brasileiro de Marcas, a Onze Motorsport, por onde foi campeão do certame em 2016 e vice no ano passado, o veterano atuar ao lado de ‘Meinha’, na destacada função de diretor-técnico da Hero. Assim, a tendência é que o piloto fique fora do Brasileiro de Marcas neste ano, correndo apenas esporadicamente em competições fora do país.

Ao seu lado, Di Grassi vai contar com o piloto mais jovem dentre os confirmados para a temporada 2018 da Stock Car. Com apenas 20 anos, Bruno Baptista vai fazer sua estreia na principal categoria do esporte a motor nacional depois de correr nos últimos três anos na Europa, com passagens pela F-Renault e, no ano passado, pela GP3.
Lucas Di Grassi agora está na Stock Car (Foto: Divulgação)
“Eu não conheço todos os autódromos. E, como a categoria permite poucos treinos de adaptação para os novatos, o carro também exigirá uma dedicação especial da minha parte. Terei um ano de muitas novidades e vou procurar fazer o melhor com tudo o que a Stock Car e a equipe podem me oferecer. Mas sei que terei também o apoio total da Hero. Estou muito feliz com esta oportunidade e vou me dedicar 200% para atingir os objetivos que traçamos para 2018”, afirmou Baptista.

Bruno chega à categoria com participações esporádicas na Porsche GT3 Cup, onde correm os familiares Adalberto Baptista (pai), Ricardo e Rodrigo Baptista (tio e primo, respectivamente).

“É com grande alegria e entusiasmo que anunciamos a nova dupla para a disputa da próxima temporada. Trabalhamos bastante nos últimos meses para encontrar uma configuração que pudesse mesclar competitividade com a perspectiva de construir um projeto sólido para os próximos anos. E acho que tivemos sucesso nesse objetivo. As contratações do Lucas e do Bruno são nossa proposta para buscar resultados positivos no curto e médio prazos. O Lucas é um piloto experiente, rápido e de extrema inteligência – alguém talhado para um ambiente competitivo como a Stock Car. E o Bruno, com sua juventude e talento, é uma aposta certa para o futuro – um nome que certamente fará parte da renovação da categoria”, disse Newton Machado, da Hero Motorsport.
Lucas Di Grassi e Bruno Baptista, a dupla da Hero para a temporada 2018 da Stock Car (Foto: Hero/Divulgação)
A experiência de Di Grassi na Stock Car se resume às suas participações como convidado de Thiago Camilo, entre 2014 e 2016. As três provas foram justamente pela RCM, equipe por onde Camilo correu antes de se transferir para a A. Mattheis junto com sua patrocinadora principal, a Ipiranga. O melhor resultado de Lucas, ao lado de Camilo, foi o quinto lugar em Goiânia, posto obtido em 2015.

“Eu sei que a Stock Car representa um desafio imenso em termos técnicos e competitivos – e isso me agrada muito. Mas sei também que temos um grupo de trabalho dos mais sérios e competentes do grid. Esse pacote me dá uma grande motivação. Teremos, obviamente, um período de adaptação. Mas conto com a dedicação da equipe para que possamos atingir um bom nível competitivo rapidamente. Será muito bom competir uma temporada inteira no Brasil depois de tantos anos. Não vejo a hora de trabalharmos juntos na pista”, comentou Di Grassi.
 
Curiosamente, Di Grassi segue os passos do seu grande rival nas pistas, Nelsinho Piquet. O embate entre os dois, que já vem desde as categorias de base, tornou-se explosivo na primeira temporada da Fórmula E, que foi conquistada por Piquet. 
Di Grassi vai defender a Hero, que neste ano vai ser a patrocinadora principal da RCM (Foto: Fábio Davini/Vicar)
Em 2016/17, foi a vez de Di Grassi faturar o título da revolucionária categoria dos carros elétricos. Na atual temporada, Nelsinho teve um começo mais positivo e atualmente é o quinto colocado na classificação. Lucas, por sua vez, enfrentou problemas nas quatro corridas e ainda está zerado, considerando assim que apenas um milagre o coloca novamente na briga pelo título.
 

A estreia de Di Grassi como piloto oficial da Hero está marcada para 10 de março, um sábado, quando a Stock Car abre a temporada 2018 com a Corrida de Duplas. Desta vez, Lucas sai do posto de piloto convidado e vai ser o titular da tripulação. 


Últimas Notícias
sexta-feira, 25 de maio de 2018
Copa Truck
Copa Truck
Endurance
Copa Truck
F1
Indy
Copa Truck
F2
Indy
Copa Truck
Indy
Indy
Copa Truck
Indy
Indy
Galerias de Imagens
Facebook