F1

Massa defende decisão de ignorar ordem da Williams e pede respeito: “Estamos só na segunda corrida”

Felipe Massa não respeitou a ordem da Williams e fechou a corrida na frente de Valtteri Bottas. O brasileiro pregou respeito na equipe e explicou que ainda é muito cedo para uma atitude como esta

Warm Up / GABRIEL CURTY, de São Paulo


O GP da Malásia não foi fácil para Felipe Massa. Neste domingo (30), o brasileiro, mais uma vez, se viu envolvido em uma polêmica envolvendo ordens de equipe. 
 
Acreditando que seria possível um ataque de Valtteri Bottas – que era oitavo – a Jenson Button, valendo a sexta posição, a Williams pretendeu trocar as posições de Massa e do finlandês. Porém, o paulista não seguiu as instruções e segurou o sétimo lugar.
 
Massa se defendeu e explicou que fez o melhor para a sua corrida e para o campeonato da equipe. O brasileiro lembrou que esta é apenas a segunda prova do ano.
 
“Eu acho que eu fiz o melhor possível na minha corrida. Lutei até o final e a minha meta era marcar o máximo de pontos para a equipe. Estamos apenas na segunda corrida”, disse.
 
Ao ser questionado sobre a ação, Massa alegou ter feito o certo e pregou respeito mútuo dentro da equipe.
 
“É certo dar o melhor que você pode? Nós temos dois campeonatos. Eu respeito meu trabalho. Nós temos de respeitar um ao outro”, falou.

Felipe Massa ignorou a ordem da Williams e terminou a prova na frente de Valtteri Bottas (Foto: Getty Images)


O brasileiro concluiu dizendo que suas ações são em prol do time e afirmou que não acredita que o relacionamento com a equipe vá mudar.
 
“Eu acho que as coisas não serão diferentes ou estranhas quando eu chegar à garagem. Estou fazendo o máximo para ajudar o time e eles precisam fazer o mesmo”, encerrou.
 
Massa teve uma corrida difícil. Após boa largada, o brasileiro acabou tendo o ritmo limitado por Kevin Magnussen e, mais tarde, pelo companheiro do dinamarquês, o inglês Jenson Button, com quem travou disputa até as voltas finais,
 
Massa é o décimo no Mundial de Pilotos com apenas seis pontos. A Williams é a quarta entre os construtores: 20 pontos em duas corridas.

Viaje para Mônaco e acompanhe o GP mais tradicional do Mundial da F1 com o GRANDE PRÊMIO por um PREÇO ESPECIAL. Veja o pacote aqui:
Foto: Mais uma novidade nesta semana de início da F1: leitor/seguidor do GRANDE PRÊMIO tem preço especial na compra dos pacotes com a AMK Viagens. Já pensou em ir para Mônaco e acompanhar essa F1 imprevisível no glamour do Principado? Dica de amigo: dá uma olhadinha, fala com os amigos e entra em contato com o Edgar Efeiche para uma viagem em alta velocidade: http://www.amkviagens.com.br/2011/index.php/terrestres_internacionais/ver/104