Endurance
17/12/2013 12:50

Após título do WEC, McNish anuncia aposentadoria das pistas: “É preciso ir embora em algum momento”

O escocês afirmou que esse é o momento certo para pendurar o capacete e dar chance à nova geração, em um momento em que a Audi também se prepara para as novas regras do WEC
Warm Up
Redação GP, de São Paulo

Allan McNish está deixando as pistas. Depois de vencer três vezes as 24 Horas de Le Mans, o escocês de 44 anos anunciou nesta terça-feira (17) que não vai mais competir na próxima temporada. O agora ex-piloto afirmou que ter vencido o título do Mundial de Endurance e a chegada das novas regras do campeonato fizeram com que esse fosse o momento certo para abandonar o esporte.

“Você precisa ir embora em algum momento, e tudo deu certo para fazer deste um momento extremamente bom para isso”, disse o escocês à revista inglesa ‘Autosport’. “Eu venci praticamente tudo o que eu queria e completei a última pendência com o título mundial”, declarou.
Allan McNish se tornou o primeiro escocês campeão mundial de endurance (Foto: Audi)
“É bom fazer isso agora, com a mudança no novo carro e as novas regras, o que vai precisar de um grande compromisso”, acrescentou o piloto, que defendia as cores da Audi desde que deixou a F1, onde competiu pela Toyota, em 2002, e foi reserva da Renault.

Para o futuro, McNish já disse que planeja continuar trabalhando com jovens – atualmente ele empresaria Harry Tincknell – e tentar migrar para a televisão. “Há outras oportunidades que apareceram. Eu definitivamente quero fazer outras coisas da vida, como tomar conta de carreiras e trabalhar na TV, e também há outras razões pessoais”, contou o agora aposentado.

O escocês, por fim, disse ter recusado a oportunidade de disputar apenas as 24 Horas de Le Mans, pois entende que está na hora de passar o bastão para a nova geração. Apesar disso, ele não descartou competir em uma corrida ou outra apenas por diversão.

“A Audi precisa se preparar para os próximos anos, e eu não queria atrapalhar isso. Como um piloto, você nunca diz nunca, mas estou pendurando o meu capacete para algo sério. Talvez eu possa competir nas 24 Horas de Daytona no futuro, como Martin Brundle fez um tempo atrás, mas não vou me comprometer a um campeonato todo novamente”, encerrou.

A Audi deve anunciar os novos trios de pilotos de 2014 nesta quarta-feira.

Últimas Notícias
domingo, 24 de junho de 2018
Indy
F1
Indy
F1
F1
F3
Indy
F1
F1
F1
F1
F1
Indy
F1
Indy
Galerias de Imagens
Facebook